São Paulo não vai lucrar com Thiago Mendes; entenda

São Paulo não vai lucrar com Thiago Mendes; entenda

julho 1, 2019 0 Por Bruno Canuto

O meia Thiago Mendes, um dos destaques do Lille na última temporada, que foi vice-campeão francês e vai jogar a Liga dos Campeões pela primeira vez em sua história, está de mudança de clube. O jogador está muito próximo de ser anunciado como o mais novo reforço do Lyon, que agora é comandado por Sylvinho – Juninho Pernambucano é o diretor executivo.

O negócio será em torno de 25 milhões de euros (R$ 110 milhões). Pelas regras da FIFA – mecanismo de solidariedade que prevê porcentagem aos formadores (dos 12 aos 23 anos) -, o São Paulo teria direito a 0,5% deste montante (R$ 540 mil), mas não vai receber nada pela transação. O motivo: as duas equipes são do mesmo país, o que impede de o Tricolor ganhar algo pela transferência.

Um outro clube brasileiro vai se beneficiar com o negócio. Por ter sido o time formador de Thiago Mendes, o Goiás vai receber 5% do valor, o equivalente a R$ 5,4 milhões.

Thiago Mendes chegou ao São Paulo em 2015 e foi vendido ao Lille em junho de 2017 por 9 milhões de euros (R$ 34 milhões em valores da época). Ao menos o clube paulista vai receber a quantia de 500 mil euros (R$ 2,2 milhões), por conta de um acordo entre as equipes em contrato relacionado ao número de jogos do jogador na última temporada.

O Lyon conta com outros quatro brasileiros: o zagueiro Marcelo, o lateral-direito Rafael, o lateral-esquerdo Fernando Marçal e o volante, recém-contratado junto ao Flamengo, Jean Lucas.